A companhia espanhola Air Europa deve iniciar as operações entre Fortaleza e Madri a partir do mês de novembro deste ano. A informação foi confirmada por Imanol Pérez, vice-presidente Comercial da empresa, durante entrevista ao Portal Mercado e Eventos, ontem (11). De acordo com o secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, a previsão está dentro do prazo de seis meses após o lançamento dos voos, que acontecerá na primeira quinzena de março. “Eles vão lançar os voos no próximo mês. Normalmente, são seis meses após o anúncio oficial que os voos começam”, reiterou o secretário.

De acordo com o banco de dados do Sistema de Registro de Operações (Siros - lista de voos com previsão de operação) da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a Air Europa solicitou voos para Fortaleza a partir do dia 3 de novembro deste ano, duas vezes na semana, às quartas e domingos. O executivo da companhia ressaltou que a ideia inicial era começar a operar ainda no mês de maio.

Não teremos aeronaves para iniciar esta rota em maio. Estamos em negociação, mas a princípio o voo terá início em novembro”, disse ao Mercado e Eventos. O secretário da Setur reforçou, durante entrevista ao Sistema Verdes Mares, na semana passada, que a companhia está aguardando a entrega das novas aeronaves Boeing 787 para iniciar os voos de Fortaleza.

A companhia ainda está analisando se serão dois ou três voos semanais iniciais. O avião que eles vão usar é o Boeing 787-9, com capacidade para 332 passageiros. Esses voos serão lançados na primeira quinzena de março quando também inicia a comercialização. O início das operações está dependendo da Boeing porque houve um pequeno atraso na entrega das aeronaves. Estamos dependendo de disponibilidade de aeronaves”, confirmou o secretário.

No Brasil

Atualmente, a companhia espanhola opera voos diários para São Paulo (Guarulhos), três semanais para Salvador e outros dois por semana para Recife. A partir de maio deste ano, a Air Europa vai colocar mais um voo semanal para a capital pernambucana.

Segundo a Anac, em 2018, a ocupação dos voos entre Madri e São Paulo foi de 86,4%. Já entre a cidade espanhola e a capital baiana foi de 81,4%. E entre Madri e Recife, 74%.

Negociações

Em novembro do ano passado, a companhia lançou oficialmente em Madri os voos para Fortaleza.

A solenidade foi realizada na sede do grupo empresarial Globalia com a presença do governador Camilo Santana, do titular da Setur e de representantes da empresa.

Além dos voos regulares, o grupo pretende investir em hotéis e resorts no Ceará. As negociações já foram iniciadas com o Governo do Estado.

 

Fonte: Diário do Nordeste.